Tourantino, por Jayne Jain Kennedy

Curtir e compartilhar esse post:
facebook:
twitter:
google plus:
pinterest: pinterest

* Este texto foi escrito em 1995 e foi reproduzido no livro “Quentin Tarantino”, de Paul A. Woods.

Los Angeles. A cidade dos Anjos. A Capital do Cinema Mundial. O centro da cirurgia plástica do universo. Uma cidade de um milhão de contradições. Para apreciar melhor aquele glamour corrompido de Los Angeles, uma cidade que Quentin Tarantino ama como apenas um nativo pode amar, esqueça as regulares turnês pelas casas de astros ou as outras incontáveis visitas oferecidas e faça um “tourantino” pelas lanchonetes, terrenos baldios, alojamentos e zonas de assassinato de Amor à Queima-Roupa, Cães de Aluguel e Pulp Fiction.

Cães de Aluguel, Reservoir Dogs, Madonna Speech

Comece com um café da manhã reforçado e várias doses de café no Pat and Lorraine’s, na 4720 Eagle Rock Boulevard, a lanchonete onde a maior parte dos personagens de Cães de Aluguel com codinome de cores comeu o que acabou sendo sua última refeição.

“Há clientes que vêm aqui porque viram o filme e gostam da comida, porque o serviço é bom”, diz a garçonete Leslie Harwood, que não viu Cães, mas insiste que as gorjetas sempre vêm, apesar da recusa apaixonada do Sr. Pink. Ela também nunca viu um grupo de homens de terno preto e gravata preta chegar em uma manhã, tagarelando sobre o conteúdo das letras das músicas de Madonna. Mas e se acontecer?

“Eu pensaria que é uma pegadinha para a TV”, ela brinca.

Enquanto estiver na vizinhança, certifique-se de verificar muitos dos lugares encharcados de sangue que se destacam em Cães de Aluguel. Depois que a filmagem foi completada, o necrotério desocupado que passou pelo depósito onde os Cães se reuniram depois do malsucedido roubo dos diamantes foi considerado um lugar para um programa de arte pós-escola. Jovens das áreas pobres teriam feito artesanato no mesmo local em que o Sr. Blonde fez sua mágica de corte e recorte. Quando o plano não deu certo, o prédio foi demolido.
Ler o post “Tourantino, por Jayne Jain Kennedy”

iWoz ou “A história do outro Steve da Apple”

Desde seu falecimento em outubro desse ano, a biografia de Steve Jobs tem liderado a lista dos livros mais vendidos. Não é pra menos, afinal de contas, todo mundo quer conhecer a história de sucesso do indivíduo que inaugurou a era da informática pessoal. Mas não é desse Steve que o livro aqui resenhado trata, […]

Ler o post

Sensibilidade e racionalismo em Firmin, de Sam Savage

O rato Firmin, “morador ilegal, vagabundo, vadio, pedante, voyeur, roedor de livros, sonhador ridículo, mentiroso, charlatão e pervertido“, nasceu sob as páginas de Finnegans Wake, de James Royce. Diferente de seus irmãos – e fisicamente mais fraco do que todos eles – Firmin raciocina. Filho de uma ratazana bêbada, começou a roer páginas de livros […]

Ler o post

Livro Contos de Vampiros reúne 14 histórias clássicas

Organizar um livro de contos de vampiros pode parecer fácil à primeira vista, mas é uma árdua tarefa. É preciso separar o joio do trigo e, como os vampiros sempre estiveram presentes no imaginário popular, tem muita história pra ler sobre estes seres noturnos. Flávio Moreira da Costa reúne em um adorável pocket, 14 narrativas […]

Ler o post

Charles Darwin. Uma biografia em dois volumes

Uma dica de leitura para os apreciadores de biografias e ciências. Está chegando ao Brasil pela Editora da UNESP dois volumes escritos por Janet Browne (catedrática de História da Ciência da Harvard University) que compõem uma das mais completas biografias acerca do naturalista inglês que mudou a forma de compreendermos a variedade de vida na […]

Ler o post

Harry Potter – A Magia do Cinema

Eu cresci lendo, relendo e lendo mais uma vez Harry Potter. Nunca perdi uma estreia, nunca fechei a mão para cacarecos maneiros de Hogwarts e seus alunos. Eu não comprei nenhum DVD da série até agora, porque tenho esperança de que seja lançado um box de colecionador ultra-mega-gold-fucking-awesome que nem aquela versão estendida do Senhor […]

Ler o post

O Fascinante Império de Steve Jobs

Há cerca de 30 anos atrás, Michael Moritz (meu parente de sobrenome) era um jovem jornalista da revista Time e obteve acesso aos bastidores da Apple Computer para escrever uma crônica sobre a primeira década da Apple. Hoje, Michael Moritz responde pela Sequoia Capital, uma empresa de investimento privado que ajudou a criar e organizar […]

Ler o post

Máquina de Pinball, livro de Clarah Averbuck

Clarah Averbuck recentemente ficou conhecida pelo grande público por sua participação no programa Troca de Família – e por depois anunciar que nessa ocasião seu agora ex-marido, baixista do Vanguart, a traiu com a outra participante. Entretanto, participar de um reality show foi apenas mais uma realização dessa gaúcha de temperamento difícil. Anos antes ela […]

Ler o post