Eu, Robô: humanos de mais, robôs de menos

Curtir e compartilhar esse post:
facebook:
twitter:
google plus:
pinterest: pinterest

livro eu robo asimov, editora aleph, resenha, livros ficcao cientifica, pipoca musical

1ª Lei: Um robô não pode ferir um ser humano ou, por inação, permitir que um ser humano sofra algum mal.
2ª Lei: Um robô deve obedecer as ordens que lhe sejam dadas por seres humanos exceto nos casos em que tais ordens entrem em conflito com a Primeira Lei.
3ª Lei: Um robô deve proteger sua própria existência desde que tal proteção não entre em conflito com a Primeira ou Segunda Leis.

Comecei o ano tremendamente bem. Eu, Robô (adicione ao Skoob) foi o primeiro livro lido em 2015, uma escolha do Projeto Vórtice Fantástico de Blumenau (SC), que optou por ler essa belezinha e debater no clube do livro.

Eu, Robô é um livro de contos, escrito por Isaac Asimov, com 9 histórias interligadas que narram a criação, o aperfeiçoamento e o ápice da robótica (de forma genial, diga-se de passagem). Uma narrativa secundária liga todas as histórias, que são contadas pela psicóloga roboticista Susan Calvin às vésperas de sua aposentadoria, aos 75 anos. Se você quer saber que livro de ficção científica ler primeiro, esse aqui é o tal. ;)

livro eu robo asimov, editora aleph, resenha, livros ficcao cientifica, pipoca musical

– Eu leio mentes, sabe – continuou o robô -, e a senhora não tem ideia de como elas são complicadas.

Desde o primeiro conto, Robbie (que fala sobre uma babá robô), até o último, O Conflito Evitável (que nos dá um panorama de uma sociedade com robôs inseridos nela), Asimov nos entrega uma história completa com base, humor, inteligência e muita ousadia para sua época.

Eu me apaixonei por certos personagens, como Mike Donovan, principalmente porque tenho tendência a apreciar um humor mais ácido. Donovan e seu colega, Gregory Powell, são especialistas de campo que se encontram 110% das vezes resolvendo problemas dos robôs. Geralmente são falhas ocasionadas por conflitos entre duas ou mais leis que geram situações interessantíssimas, descontruídas sempre de maneira inteligente.

livro eu robo asimov, editora aleph, resenha, livros ficcao cientifica, pipoca musical

– Olhem para vocês – disse ele, por fim. – Não digo isso com desdém, mas olhem para vocês! A matéria de que são feitos é macia e flácida, sem resistência nem força, e depende de uma oxidação ineficiente de matéria orgânica para obter energia… como aquilo. – Ele apontou o dedo para o que restava do sanduíche de Donovan com ar de desaprovação.

O que mais me chamou a atenção, no entanto, foi a ligação entre o comportamento dos robôs com o comportamento humano. Psicologia, religião, sentimentos, razão, orgulho, conhecimento, soberania são elementos presentes nas tramas montadas por Asimov, que muitas vezes parecem um espelho da nossa sociedade.

Se você quiser um exemplo bem claro, vou citar o conto Mentiroso, em que um robô capaz de ler mentes cria a maior confusão entre uma equipe porque fala o que cada um gostaria de ouvir, considerando que a primeira Lei da Robótica diz que um robô não pode ferir um ser humano (“…ou, por inação, permitir que um ser humano sofra algum mal”). Ou então o conto Razão, onde um robô fica perplexo com a possibilidade de ter sido criado por um ser tão estúpido quanto um humano, e questiona sua origem. Eu, Robô é leitura obrigatória.

livro eu robo asimov, editora aleph, resenha, livros ficcao cientifica, pipoca musical

Se o conhecimento fosse perigoso, a solução seria a ignorância. Sempre me pareceu que a solução teria que ser a sabedoria. Não se deveria deixar de olhar para o perigo; ao contrário, deveria-se aprender a lidar cautelosamente com ele.

Sobre essa capa maravilinda do livro, queria dizer que Pedro Inoue foi o responsável pela arte. Caso você não se lembre desse nome, foi ele quem criou o projeto gráfico da edição mega especial de 2001: Uma Odisseia no Espaço. <3 <3 <3

Esse livro foi cedido pela Editora Aleph pela parceria com o Pipoca Musical. Acompanhe as novidades da Editora nos canais:
Site | Facebook | Twitter | Instagram

livro eu robo asimov, editora aleph, resenha, livros ficcao cientifica, pipoca musical

Ficha Técnica

Título: Eu, Robô
Autor: Isaac Asimov
Ano: 2014 (original: )
Editora: Aleph
Gênero: Ficção Científica, Contos
Páginas: 315
Compre: Submarino | Americanas
Skoob: adicione à lista